quinta-feira, 31 de março de 2011

Torta gelada Bis!



   Boa tarde queridos!

  Quem aqui é amante dos chocolates?! Nossa! Eu amo! São tantos que aprecio, se fosse descrevê-los aqui ficaria horas citando nomes e procedências.... Para fugir dos tradicionais bolos de chocolate, que tal fazer um diferente!

   Acho que todos nós brasileiros conhecemos o chocolate Bis, aquele que você come um e não para mais, igual quando comemos pipoca! Para quem não conhece este chocolate, é um bombom de wafer coberto com chocolate, se você não encontrar Bis na tua cidade ou no teu país, pode substituir por outro chocolate parecido.

  
  Já pensou numa sobremesa com o chocolate Bis?! E um bolo?! Noooooossa, eu amo, fica delicioso! Partilho a receita com vocês, vamos lá!

     
   Torta gelada Bis

 Para a massa

 2 caixas de Bis chocolate negro

 1/2 colher (sopa) de manteiga

 Para o creme: 
 1 1/2 lata de leite
 2 colheres (sopa) de amido de milho
 1 lata de leite condensado
 1 gema
 1 colher (sopa) de manteiga
Para a mousse: 
200 g de chocolate meio amargo picado
1 lata de creme de leite
 2 claras em neve
 3 colheres (sopa) de açúcar
Preparando a torta:
Massa: no processador ou liqüificador, triture as unidades de uma caixa de Bis com a manteiga e forre o fundo de uma forma de aro removível. Reserve.
Creme: misture todos os ingredientes e cozinhe até engrossar. Deixe esfriar e coloque sobre a massa de Bis reservada.
Mousse: derreta o chocolate, misture o creme de leite e reserve. Bata as claras em neve, junte o açúcar e bata. Misture as claras batidas ao chocolate reservado. Por cima do creme branco distribua o restante do Bis picado e cubra com a mousse. Leve ao freezer por duas horas e depois mantenha a torta na geladeira até a hora de servir. Desenforme e decore a gosto com Bis picado.
 Uma delíciaaaaaaa! Pecado da gula! :D
 Bisous
Torta gelada Bis
                                        
 Bom apetite!!!
Fonte: reprodução

   

quarta-feira, 30 de março de 2011

Puré de grão de bico!

  Olá queridos leitores,

  Se você acha o grão de bico um tanto sem graça - assim como eu - a não ser um delicioso hommos (pasta de grão de bico, típico da comida árabe), que tal fazer um acompanhamento com este ingrediente?!
    

Grão de bico
   
    

   Tive esta idéia e fiz uma puré de grão de bico (light), e ficou uma delícia! Faça você também e depois me diga como ficou, ok! Mãos a obra!


  Puré de grão de bico

 1 1/2 xícara (grande) de grão de bico
 500 ml de leite desnatado
 1 lata de creme de leite desnatado
 4 colheres (de sopa) de cebola em cubos
 1 colher de manteiga
 água (quantidade necessária)
 pimenta e sal a gosto
 cebolinha (para decorar)
 azeite (para decorar)


  Preparando a puré: Em uma panela de pressão coloque os grãos de bico e cubra com água, tampe e deixe cozinhar em fogo médio por um período de 20 minutos. Quando estiver pronto, você observará que os grãos de bico absorveram toda a água que continha na panela. Retire os grãos de bico e despeje em um processador de alimentos (ou liquidificador), acrescente uma lata de creme de leite e um pouco de água (1/3 de copo de água) e processe. Quando observar que se formou em um creme liso, desligue o aparelho e reserve.  
  
  Em uma panela, a fogo  baixo, acrescente a manteiga e as cebolas em cubos, quando estas estiverem transparentes, acrescente toda a mistura do grão de bico, misture suavemente para que todos os ingredientes se incorporem e para que a puré aqueça. Desligue o fogo e tempere com pimenta do reino em pó e sal, a gosto. 

  Para decorar, você pode usar cebolinha picada e regar com um fio de azeite de oliva. Minha sugestão: acompanha bem um risoto de peixe ou peixe branco e salada de folhas verdes.
  
   Beijos temperados e...

   Bom apetite!

Puré de grão de bico
   


Puré acompanhada de um risoto de filet Saint Peter


Fonte: arquivo pessoal

terça-feira, 29 de março de 2011

Dica gourmet!


    Para quem adooooora a comida libanesa (assim como eu), e está morando ou à passeio em Paris, indico o restaurante "Les Cèdres du Liban". É o restaurante libanês mais antigo na capital francesa, presente há mais de 39 anos no mercado de Paris, oferece uma cozinha tradicional de autêntica. 

   O restaurante é familiar, agradável, as porções são generosas, os pratos um pouco picantes e a carne bem macia. A carta de vinhos é bem seleta, desde vinhos libaneses a franceses. Optei por um vinho tinto libanês (se encaixou perfeitamente aos pratos servidos), e por sinal, é uma delícia. O serviço do restaurante é bom e as garçonetes são muito simpáticas. Você pode optar em comer na varanda ou dentro do salão.


A fachada do restaurante


Tabule


Mesa de entradas bem servida


Shish taouk (espetinhos de frango marinados com alho e limão) , 
arays (carne grelhada) e  kebabs de carne picada
    
E para terminar a noite,
um prato sortido do doce Baklawa 
  

 Fonte: arquivo pessoal e reprodução

    
Para mais informações clique aqui!
Les Cèdres du Liban: 5 Avenue du maine, 75015 Paris, France

   
    

segunda-feira, 28 de março de 2011

Pancakes!

    Bom dia pessoal!

   O café-da-manhã é uma das minhas refeições preferidas, pois ao contrário de muita gente, que vive na rotina de métro bulot dodo (expressão usada para descrever o estilo de vida da maioria dos franceses, significa "metrô-trabalho-dormir"), eu prefiro que esta refeição seja completa com sucos, iogurtes, frutas, cereais, café, pão integral, queijo light e de vez em quando algum docinho para começar o dia cheio de energia!

   E, o que preparei para o café-da-manhã foram deliciosas pancakes de maçãs, amêndoas e maple syrup! Ótimas também para um brunch ou para o lanche da tarde.



Maple syrup é um xarope doce, extraído da seiva das árvores 
maple - originária da América do Norte, Canadá
e Estados Unidos, especificamente
       
  
Pancakes de maçãs e amêndoas


Pancakes de maçãs e amêndoas

  
Fonte: arquivo pessoal




     Quer aprender a fazer as deliciosas pancakes? Entre em contato por email para informações sobre este e outros cursos.


   Beijos temperados!

sábado, 26 de março de 2011

Orvalho marinho!


  Conhecido na Roma antiga pelo lindo nome de "orvalho marinho", é o nosso vulgo ALECRIM, de nome científico - rosmarinus officínalis.


Alecrim
   
    

 Esta erva era queimada em forma de incenso para a purificação dos mortos e garantia de tranqüilidade em sua jornada pós-vida terrena. Muito utilizada desde sempre pelos místicos e esotéricos, por seu grande poder mágico dde proteção, purificação, restaurador da saúde. 

 Nos encantamentos de atração do amor, o alecrim pode ser um delicado e poderosíssimo aliado. Auxilia como tônico, aumenta a secreção biliar, alivia as dores do reumatismo e da gota, além de ser um excelente anti-séptico.  Fresco ou seco, o alecrim é muito utilizado na gastronomia, dando sabores a manteigas, azeites, saladas, molhos de massas ou carnes, etc e também usado na decoração de pratos. 

  

sexta-feira, 25 de março de 2011

Romeu e Julieta!


  Olá minha gente!

  Hoje venho homenagear uma iguaria muito usada do Norte e Nordeste brasileiro, a tapioca! Hummm que delíiiiiicia! Aprendi a fazer sobremesas saborosas com pessoas queridas da bela cidade de Recife, capital do Estado de Pernambuco.



Farinha grossa de tapioca, encontrada em feiras 

Farinha fina de tapioca, encontrada em mercados

   

  Falando nisso, uma amiga muito querida de lá, entrou em contato esta semana e não pude deixar de lembrar das delícias que a gastronomia pernambucana nos oferece; além da tapioca, o queijo de coalho, o bolo de rolo, os deliciosos pratos a base de peixes e frutos do mar, entre outros! Ahhhhhh que maravilha! Só de pensar me dá água na boca, visse?!

  Como não posso deixar vocês com água na boca também, partilho uma sobremesa deliciosa e simples de fazer, que apelidei de "Romeu e Julieta", diferente! 


   Simbora pra cozinha, minha genteee! 


   Creme gelado de tapioca com calda de framboesa

   3/4 de xícara de farinha de tapioca fina (se não achar, use a farinha grossa)
500ml de leite
250ml de leite de coco
2 xícaras de açúcar
100g de framboesas frescas
2 copos de água


  Preparando o creme: misture a tapioca, o leite, o leite de coco e o açúcar até dissolver a tapioca. Leve ao fogo baixo, mexendo sempre até formar um creme, reserve. Em uma panela coloque as framboesas e a água - em fogo baixo, até formar uma calda. Distribua o creme de tapioca em taças, depois leve à geladeira para que tome um pouco de consistência e fique gelado. Na hora de servir, regue com a calda de framboesa e delicie-se!

  Bom apetite!


Romeu e Julieta
Fonte: arquivo pessoal

quinta-feira, 24 de março de 2011

Croque-madame!

 Boa tarde amigos leitores,

  Vocês já ouviram falar em "croque monsieur"? Um famoso sanduíche francês a base de pão, presunto, queijo e especiarias. 

 Mas, hoje, venho mostrar para vocês a versão femenina, o "croque-madame". Eu simplesmente adooooro, é gostoso e fácil de fazer, o croque-madame é  uma ótima opção para o brunch ou refeições rápidas, podendo ser acompanhado de uma salada verde, como se faz na França. Voilà!


  Croque-madame à la bechamel

8 fatias de pão de forma ou de "miga"
4 fatias de presunto
100g de queijo gruyère ralado
30 cl de leite desnatado
50 g de farinha
50 g de manteiga
4 ovos
um pouco de azeite
sal, pimenta
noz-moscada


  Preparando o croque-madame: Derreta a manteiga em uma panela. Adicione a farinha e misture. Em seguida, adicione o leite, mexendo com um fouet (batedor de mão). Você deve obter um bechamel não demasiado mole. Cozinhe cerca de 5 minutos o bechamel, em fogo baixo. Tempere com sal, pimenta e noz-moscada.



  Espalhe metade do bechamel sobre 4 fatias de pão. Cubra com uma fatia de presunto, em seguida, novamente uma fatia de pão. Cubra a torrada com o bechamel restantePolvilhe generosamente com o queijo gruyère ralado. Coloque no forno pré-aquecido a 210'c, durante 10 a 12 minutos.

  5 minutos antes do final do cozimento das torradas, aqueça o azeite em uma frigideira. Cozinhe os 4 ovos (um de cada vez) para servirRetire as torradas do forno e cubra cada uma delicadamente  com um ovo frito, sirva imediatamente. Serve 4 pessoas.


   Bon appetit! 

Croque-madame à la bechamel

Fonte: arquivo pessoal

quarta-feira, 23 de março de 2011

Dica gourmet!

 Olá queridos!

  Vocês conhecem a bela capital mineira, Belo Horizonte? Acabei de voltar de lá, onde passei dias formidáveis com parentes e amigos (infelizmente não pude ver a todos). E, quando vou pra lá não tenho vontade de voltar mais, mas... o trabalho me chama! ;) Aproveitando a ida, conheci alguns lugares novos, tais com o "B Bistrô", no charmoso Bairro de Lourdes.

 Para quem não conhece, quando for a "Beagá", dá uma passada lá, vale a pena, tá cheeeeio de coisas gostosas, ambiente aconchegante e linda decoração! O forte deles são os hamburguers gourmet, de fabricação própria.
  
 Confiram...

A fachada do bistrô


No barzinho só bebidinhas top! Hum, delícia!

   De entrada pedimos um queijo camembert com geléia de damascos, mas não deu tempo de tirar a fotinho de tão gostoso que estava, hehe, esta foi a outra entrada...

Tiras de batata e batata doce
com sal grosso e alho assado

   Uma saladinha gostosa...

Salada verde com lâminas de salmão

  Após comer entradinhas e a salada, pedi um mini hamburguer como prato principal e vieram 2! Aiai... delícia!

Hamburguinho

  Ainda teve lugar para a sobremesa, esta deliciosa mousse de maracujá com uma decoração fofa de pâte à choux e chantilly em forma de cisne - lembrei da época das aulas de confeitaria no curso de gastronomia... ADOREI!

Mousse de maracujá 

  E para beber, tomei uns mojitos super refrescantes!



Para mais informações:

B Bistrô



Rua Antônio de Albuquerque, 1.354, Lourdes
Tel. (31) 2531-1143
Aberto de domingo a quarta-feira, das 18h à 1h; quinta-feira a sábado, das 18h às 4h 
A casa também abre diariamente para almoço.


Fonte: arquivo pessoal

quinta-feira, 31 de março de 2011

Torta gelada Bis!



   Boa tarde queridos!

  Quem aqui é amante dos chocolates?! Nossa! Eu amo! São tantos que aprecio, se fosse descrevê-los aqui ficaria horas citando nomes e procedências.... Para fugir dos tradicionais bolos de chocolate, que tal fazer um diferente!

   Acho que todos nós brasileiros conhecemos o chocolate Bis, aquele que você come um e não para mais, igual quando comemos pipoca! Para quem não conhece este chocolate, é um bombom de wafer coberto com chocolate, se você não encontrar Bis na tua cidade ou no teu país, pode substituir por outro chocolate parecido.

  
  Já pensou numa sobremesa com o chocolate Bis?! E um bolo?! Noooooossa, eu amo, fica delicioso! Partilho a receita com vocês, vamos lá!

     
   Torta gelada Bis

 Para a massa

 2 caixas de Bis chocolate negro

 1/2 colher (sopa) de manteiga

 Para o creme: 
 1 1/2 lata de leite
 2 colheres (sopa) de amido de milho
 1 lata de leite condensado
 1 gema
 1 colher (sopa) de manteiga
Para a mousse: 
200 g de chocolate meio amargo picado
1 lata de creme de leite
 2 claras em neve
 3 colheres (sopa) de açúcar
Preparando a torta:
Massa: no processador ou liqüificador, triture as unidades de uma caixa de Bis com a manteiga e forre o fundo de uma forma de aro removível. Reserve.
Creme: misture todos os ingredientes e cozinhe até engrossar. Deixe esfriar e coloque sobre a massa de Bis reservada.
Mousse: derreta o chocolate, misture o creme de leite e reserve. Bata as claras em neve, junte o açúcar e bata. Misture as claras batidas ao chocolate reservado. Por cima do creme branco distribua o restante do Bis picado e cubra com a mousse. Leve ao freezer por duas horas e depois mantenha a torta na geladeira até a hora de servir. Desenforme e decore a gosto com Bis picado.
 Uma delíciaaaaaaa! Pecado da gula! :D
 Bisous
Torta gelada Bis
                                        
 Bom apetite!!!
Fonte: reprodução

   

quarta-feira, 30 de março de 2011

Puré de grão de bico!

  Olá queridos leitores,

  Se você acha o grão de bico um tanto sem graça - assim como eu - a não ser um delicioso hommos (pasta de grão de bico, típico da comida árabe), que tal fazer um acompanhamento com este ingrediente?!
    

Grão de bico
   
    

   Tive esta idéia e fiz uma puré de grão de bico (light), e ficou uma delícia! Faça você também e depois me diga como ficou, ok! Mãos a obra!


  Puré de grão de bico

 1 1/2 xícara (grande) de grão de bico
 500 ml de leite desnatado
 1 lata de creme de leite desnatado
 4 colheres (de sopa) de cebola em cubos
 1 colher de manteiga
 água (quantidade necessária)
 pimenta e sal a gosto
 cebolinha (para decorar)
 azeite (para decorar)


  Preparando a puré: Em uma panela de pressão coloque os grãos de bico e cubra com água, tampe e deixe cozinhar em fogo médio por um período de 20 minutos. Quando estiver pronto, você observará que os grãos de bico absorveram toda a água que continha na panela. Retire os grãos de bico e despeje em um processador de alimentos (ou liquidificador), acrescente uma lata de creme de leite e um pouco de água (1/3 de copo de água) e processe. Quando observar que se formou em um creme liso, desligue o aparelho e reserve.  
  
  Em uma panela, a fogo  baixo, acrescente a manteiga e as cebolas em cubos, quando estas estiverem transparentes, acrescente toda a mistura do grão de bico, misture suavemente para que todos os ingredientes se incorporem e para que a puré aqueça. Desligue o fogo e tempere com pimenta do reino em pó e sal, a gosto. 

  Para decorar, você pode usar cebolinha picada e regar com um fio de azeite de oliva. Minha sugestão: acompanha bem um risoto de peixe ou peixe branco e salada de folhas verdes.
  
   Beijos temperados e...

   Bom apetite!

Puré de grão de bico
   


Puré acompanhada de um risoto de filet Saint Peter


Fonte: arquivo pessoal

terça-feira, 29 de março de 2011

Dica gourmet!


    Para quem adooooora a comida libanesa (assim como eu), e está morando ou à passeio em Paris, indico o restaurante "Les Cèdres du Liban". É o restaurante libanês mais antigo na capital francesa, presente há mais de 39 anos no mercado de Paris, oferece uma cozinha tradicional de autêntica. 

   O restaurante é familiar, agradável, as porções são generosas, os pratos um pouco picantes e a carne bem macia. A carta de vinhos é bem seleta, desde vinhos libaneses a franceses. Optei por um vinho tinto libanês (se encaixou perfeitamente aos pratos servidos), e por sinal, é uma delícia. O serviço do restaurante é bom e as garçonetes são muito simpáticas. Você pode optar em comer na varanda ou dentro do salão.


A fachada do restaurante


Tabule


Mesa de entradas bem servida


Shish taouk (espetinhos de frango marinados com alho e limão) , 
arays (carne grelhada) e  kebabs de carne picada
    
E para terminar a noite,
um prato sortido do doce Baklawa 
  

 Fonte: arquivo pessoal e reprodução

    
Para mais informações clique aqui!
Les Cèdres du Liban: 5 Avenue du maine, 75015 Paris, France

   
    

segunda-feira, 28 de março de 2011

Pancakes!

    Bom dia pessoal!

   O café-da-manhã é uma das minhas refeições preferidas, pois ao contrário de muita gente, que vive na rotina de métro bulot dodo (expressão usada para descrever o estilo de vida da maioria dos franceses, significa "metrô-trabalho-dormir"), eu prefiro que esta refeição seja completa com sucos, iogurtes, frutas, cereais, café, pão integral, queijo light e de vez em quando algum docinho para começar o dia cheio de energia!

   E, o que preparei para o café-da-manhã foram deliciosas pancakes de maçãs, amêndoas e maple syrup! Ótimas também para um brunch ou para o lanche da tarde.



Maple syrup é um xarope doce, extraído da seiva das árvores 
maple - originária da América do Norte, Canadá
e Estados Unidos, especificamente
       
  
Pancakes de maçãs e amêndoas


Pancakes de maçãs e amêndoas

  
Fonte: arquivo pessoal




     Quer aprender a fazer as deliciosas pancakes? Entre em contato por email para informações sobre este e outros cursos.


   Beijos temperados!

sábado, 26 de março de 2011

Orvalho marinho!


  Conhecido na Roma antiga pelo lindo nome de "orvalho marinho", é o nosso vulgo ALECRIM, de nome científico - rosmarinus officínalis.


Alecrim
   
    

 Esta erva era queimada em forma de incenso para a purificação dos mortos e garantia de tranqüilidade em sua jornada pós-vida terrena. Muito utilizada desde sempre pelos místicos e esotéricos, por seu grande poder mágico dde proteção, purificação, restaurador da saúde. 

 Nos encantamentos de atração do amor, o alecrim pode ser um delicado e poderosíssimo aliado. Auxilia como tônico, aumenta a secreção biliar, alivia as dores do reumatismo e da gota, além de ser um excelente anti-séptico.  Fresco ou seco, o alecrim é muito utilizado na gastronomia, dando sabores a manteigas, azeites, saladas, molhos de massas ou carnes, etc e também usado na decoração de pratos. 

  

sexta-feira, 25 de março de 2011

Romeu e Julieta!


  Olá minha gente!

  Hoje venho homenagear uma iguaria muito usada do Norte e Nordeste brasileiro, a tapioca! Hummm que delíiiiiicia! Aprendi a fazer sobremesas saborosas com pessoas queridas da bela cidade de Recife, capital do Estado de Pernambuco.



Farinha grossa de tapioca, encontrada em feiras 

Farinha fina de tapioca, encontrada em mercados

   

  Falando nisso, uma amiga muito querida de lá, entrou em contato esta semana e não pude deixar de lembrar das delícias que a gastronomia pernambucana nos oferece; além da tapioca, o queijo de coalho, o bolo de rolo, os deliciosos pratos a base de peixes e frutos do mar, entre outros! Ahhhhhh que maravilha! Só de pensar me dá água na boca, visse?!

  Como não posso deixar vocês com água na boca também, partilho uma sobremesa deliciosa e simples de fazer, que apelidei de "Romeu e Julieta", diferente! 


   Simbora pra cozinha, minha genteee! 


   Creme gelado de tapioca com calda de framboesa

   3/4 de xícara de farinha de tapioca fina (se não achar, use a farinha grossa)
500ml de leite
250ml de leite de coco
2 xícaras de açúcar
100g de framboesas frescas
2 copos de água


  Preparando o creme: misture a tapioca, o leite, o leite de coco e o açúcar até dissolver a tapioca. Leve ao fogo baixo, mexendo sempre até formar um creme, reserve. Em uma panela coloque as framboesas e a água - em fogo baixo, até formar uma calda. Distribua o creme de tapioca em taças, depois leve à geladeira para que tome um pouco de consistência e fique gelado. Na hora de servir, regue com a calda de framboesa e delicie-se!

  Bom apetite!


Romeu e Julieta
Fonte: arquivo pessoal

quinta-feira, 24 de março de 2011

Croque-madame!

 Boa tarde amigos leitores,

  Vocês já ouviram falar em "croque monsieur"? Um famoso sanduíche francês a base de pão, presunto, queijo e especiarias. 

 Mas, hoje, venho mostrar para vocês a versão femenina, o "croque-madame". Eu simplesmente adooooro, é gostoso e fácil de fazer, o croque-madame é  uma ótima opção para o brunch ou refeições rápidas, podendo ser acompanhado de uma salada verde, como se faz na França. Voilà!


  Croque-madame à la bechamel

8 fatias de pão de forma ou de "miga"
4 fatias de presunto
100g de queijo gruyère ralado
30 cl de leite desnatado
50 g de farinha
50 g de manteiga
4 ovos
um pouco de azeite
sal, pimenta
noz-moscada


  Preparando o croque-madame: Derreta a manteiga em uma panela. Adicione a farinha e misture. Em seguida, adicione o leite, mexendo com um fouet (batedor de mão). Você deve obter um bechamel não demasiado mole. Cozinhe cerca de 5 minutos o bechamel, em fogo baixo. Tempere com sal, pimenta e noz-moscada.



  Espalhe metade do bechamel sobre 4 fatias de pão. Cubra com uma fatia de presunto, em seguida, novamente uma fatia de pão. Cubra a torrada com o bechamel restantePolvilhe generosamente com o queijo gruyère ralado. Coloque no forno pré-aquecido a 210'c, durante 10 a 12 minutos.

  5 minutos antes do final do cozimento das torradas, aqueça o azeite em uma frigideira. Cozinhe os 4 ovos (um de cada vez) para servirRetire as torradas do forno e cubra cada uma delicadamente  com um ovo frito, sirva imediatamente. Serve 4 pessoas.


   Bon appetit! 

Croque-madame à la bechamel

Fonte: arquivo pessoal

quarta-feira, 23 de março de 2011

Dica gourmet!

 Olá queridos!

  Vocês conhecem a bela capital mineira, Belo Horizonte? Acabei de voltar de lá, onde passei dias formidáveis com parentes e amigos (infelizmente não pude ver a todos). E, quando vou pra lá não tenho vontade de voltar mais, mas... o trabalho me chama! ;) Aproveitando a ida, conheci alguns lugares novos, tais com o "B Bistrô", no charmoso Bairro de Lourdes.

 Para quem não conhece, quando for a "Beagá", dá uma passada lá, vale a pena, tá cheeeeio de coisas gostosas, ambiente aconchegante e linda decoração! O forte deles são os hamburguers gourmet, de fabricação própria.
  
 Confiram...

A fachada do bistrô


No barzinho só bebidinhas top! Hum, delícia!

   De entrada pedimos um queijo camembert com geléia de damascos, mas não deu tempo de tirar a fotinho de tão gostoso que estava, hehe, esta foi a outra entrada...

Tiras de batata e batata doce
com sal grosso e alho assado

   Uma saladinha gostosa...

Salada verde com lâminas de salmão

  Após comer entradinhas e a salada, pedi um mini hamburguer como prato principal e vieram 2! Aiai... delícia!

Hamburguinho

  Ainda teve lugar para a sobremesa, esta deliciosa mousse de maracujá com uma decoração fofa de pâte à choux e chantilly em forma de cisne - lembrei da época das aulas de confeitaria no curso de gastronomia... ADOREI!

Mousse de maracujá 

  E para beber, tomei uns mojitos super refrescantes!



Para mais informações:

B Bistrô



Rua Antônio de Albuquerque, 1.354, Lourdes
Tel. (31) 2531-1143
Aberto de domingo a quarta-feira, das 18h à 1h; quinta-feira a sábado, das 18h às 4h 
A casa também abre diariamente para almoço.


Fonte: arquivo pessoal
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...